ICEA forma primeira turma de Pilotos de RPA Pesquisa

Publicado por: marcelomcls |  2 de Junho de 2021 às 16:09

A Força Aérea Brasileira (FAB), por meio do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA), pesquisa o uso de aeronaves remotamente pilotadas (RPA, sigla em inglês para Remotely Piloted Aircrafts) - popularmente conhecidas como drones – como ferramentas para inspeção em voo de auxílios visuais à navegação aérea.

Tendo em vista a otimização de recursos e a eficiência nas atividades de pesquisa, desde o começo de 2019, o Instituto de Controle do Espaço Aéreo (ICEA), unidade de pesquisa do DECEA, buscou o apoio do Instituto de Estudos Avançados (IEAv) e do Grupo Especial de Inspeção em Voo (GEIV). Os primeiros ensaios, realizados após o estabelecimento da parceria, foram um sucesso e comprovaram a viabilidade do uso dos RPA na inspeção do Precision Approach Path Indicator (PAPI) - sistema de luzes brancas e vermelhas que auxilia no pouso de aeronaves.

 

Aproveitando os ótimos resultados alcançados nas pesquisas e a comprovada experiência do IEAv na exploração e pilotagem de RPA, o Diretor do ICEA, Cel Eng Marcelo Zabotto Adrião, buscou o apoio do IEAv na formação dos primeiros pilotos de RPA do ICEA, sendo prontamente atendido pelo Diretor do IEAv, Cel Eng Fábio Andrade de Almeida.

O curso foi realizado nas dependências do IEAv, no período de 29 de junho a 10 de julho de 2020. Foram ministradas aulas sobre as normas e processos que precisam ser realizados pelos exploradores de RPA no Brasil, bem como aulas teóricas de voo, seguidas, enfim, das aulas práticas de voo com a aeronave DJI Phantom 4. Os instrutores do curso foram o Cap Esp FOT Marielcio Gonçalves Lacerda e 1º Sgt QSS BET Luiz Cláudio de Faria.

 

Nessa primeira turma formaram-se: Maj Av Rafael de Souza Armstrong, Maj Esp COM Euripedes Aparecido dos Santos, Cap Eng Leandro de Oliveira Peixoto, Cap Esp CTA Ricardo Silva de Oliveira, Cap Esp CTA Cristian da Oliveira Smidt e o SO QSS BCO Marcelo Glaucio da Silva.

O Diretor da Divisão de Pesquisa do ICEA, Ten Cel Esp COM Silas, declarou que a aproximação do ICEA com o IEAv e com os demais institutos do DCTA tem apresentado excelentes resultados para a Força Aérea. Esse estreitamento favorece de modo significativo as atividades de pesquisas, sendo essa uma de suas metas enquanto estiver a frente da Divisão.

Fonte e Fotos: ICEA

Serviços On-line

ICEA - Divisão de Pesquisa

Canais de Comunicação